segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

As coisas caem sobre nossos colos...

Magnólias e sapos do céu e de ti...

Um dia cai sobre você.

Não tem entender nisso, é lei, aceite, o que você vai fazer ou não é a pergunta.

Eu achava que nunca tinha batido em ninguém

Mentira

Dei muito soco na cara

Um comentário:

Lu disse...

Que forte isso. Acho que os sapos no filme têm mesmo essa função. De causar choque, espanto, de aprendermos a não ter que ter respostas para tudo sempre.
E a gente dá muito soco sem saber mesmo.
Te adoro