quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Três pontos...

Choro,
Adeus nos olhos,
começo não é reinício,
conhecer é um jogo sem fim entre afastamento e reaproximação de si,
há enlaços correndo à beira da noite do coração,
o medo de se perder ou trancar é íntimo,
enfrentá-lo é ver os traços tortos expostos,
cair não é mortal.
Fé não é uma invenção,
tampouco uma palavra.
Que a última venha.

4 comentários:

Luciane disse...

Só uma coisa a dizer depois de te ler agora:
...

marcelo disse...

Tá louco né? Non sense demais! Todo desconectado. Acho que vou deletar...

Luciane disse...

não, não. Não acho non sense. Só quis dizer que com esse tema que tu escreveu, tudo que se pode dizer são retiscências. Não deleta, não!

Nádia Lopes disse...

ADOREI esse texto NADA non sense!
beijo